hérnia de disco

Hérnia de Disco

 

O que é hérnia de disco?

Alguns casos de dores na  coluna pode ter uma origem conhecida, como por exemplo a hérnia de disco.

No artigo sobre lombalgia abordamos as dores na coluna lombar de maneira genérica. Hoje falaremos de um problema bem comum que causa muita dor e geralmente muito medo nos pacientes.

O que são os discos?

Para compreender o que são hérnias de disco precisamos primeiramente entender o que são os discos intervertebrais.

O disco intervertebral é uma estrutura fibrocartilaginosa que tem como função permitir a mobilidade da coluna e amortecimento do peso do corpo. É dividido em duas partes, a parte externa é o ânulo fibroso e a interna o núcleo pulposo.

O ânulo fibroso, constituído por cartilagem fibrosa  que confere ao disco uma enorme resistência a carga axial. O núcleo pulposo tem uma consistência gelatinosa que contém aproximadamente 80% de água e tem função de amortecimentos dos choques axiais.

Tanto o núcleo quanto o ânulo fibroso absorvem água e é justamente este mecanismo de absorção de água que garante a saúde dos discos.

 

Resultado de imagem para disco intervertebral

Lesões dos discos intervertebrais

Fatores como herança genética, sedentarismo e tabagismo prejudicam a absorção de água pelos discos, o que os torna mais frágeis, iniciando os processos degenerativos do disco intervertebral.

Com a degeneração as fibras mais externas do disco se rompem, fragilizando a contenção do núcleo. Em algumas situações, em que não há ruptura completa do ânulo fibroso, o núcleo é forçado para áreas menos resistentes do disco, o que é chamado de protusão discal. Quando existe uma ruptura completa do ânulo fibroso o núcleo tende a migrar para fora do seu espaço habitual, o que é chamado de hérnia de disco.

Tanto em casos de protusão como em casos de hérnia de disco ocorre compressão das estruturas nervosa que emergem da medula espinhal. Esta compressão é o que gera os sintomas

 

Como saber é hérnia de disco e quais os principais sintomas

Sintomas da hérnia de disco

  • Dor ao longo do trajeto do nervo ciático que vai da coluna vertebral à nádega, coxa, perna e calcanhar;
  • Pode haver fraqueza nas pernas;
  • Dificuldade em levantar o pé deixando o calcanhar no chão;
  • Alteração no funcionamento do intestino ou bexiga, por compressão de nervos.

Tenho hérnia de disco, preciso operar ?

Em muitos casos não!

O tratamento conservador (sem cirurgia) funciona muito bem na grande maioria dos pacientes.

Em um trabalho do osteopata francês François Richard com 690 paciente, 91,32% tiveram bons resultados em diminuição de dor e retorno as atividades de vida diária, sendo que 60,98% puderam retornar ao esporte.

Vale ressaltar que os resultados foram obtidos após 7 ou 8 sessões de tratamento.

Em minha experiência 95% dos pacientes atendidos tiveram resultado positivo e recuperaram a qualidade de vida.

Outro fato a favor do tratamento conservador é que o corpo tem uma grande capacidade d reabsorver as hérnias de disco. Isso significa que as hérnias são mutáveis.

Hérnia de disco pode ser muito dolorida mas não é um atestado de incapacidade física e a indicação cirúrgica não é definitiva.

Thiago Rodriguez

CREFITO: 125946 

 

institutocurarte

Posted by institutocurarte